Quarta-feira, 18 de Abril de 2007


 

Neste canto, encantado
Pairo no ar,
Leve
Perfumado,
Chamo-te, incessantemente…
Teu nome faz eco
Não sei se em mim,
ao no ar que respiro,
Ou sufoco nesta
Espera de Ti…
Esvoaço, esvoaço,
Por ai…
Na magia,
Em suaves entrelaces
De paixão,
Vem…
Ainda que,
Tua voz silencie,
Tuas mãos
Suaves e macias
Que me amimam…
Com a tenuidade
E canto
Dos Anjos…






publicado por Cöllyßry às 21:02
O teu cantinho é um verdadeiro ENCANTO para os olhos e não só !
Um beijinho verdinho
Anónimo a 19 de Abril de 2007 às 22:39

Peço desculpa, não tencionava ser anónima porque pensava que o nome do meu blog ia aparecer. Aqui vai a correcção : beijinhos verdinhos de www.jevoislavieenvert.blogspot.com
Anónimo a 19 de Abril de 2007 às 22:42

Gostei imenso deste lindo poema! Beijinho.
Maria a 20 de Abril de 2007 às 18:15

Oi miga, vim agradecer e retribuir sua visita. Nossa aqui tá lindo d+, amei, parabéns. Desculpe-me a demora, tô c/ pouco tempo voltei a trabvalhar. Vc já pegou os selos comemorativo de visitas dos 2 blog? Pega e me faça feliz. Tenha um otimo fim de semana e zilhões de beijos doces.
Liege a 20 de Abril de 2007 às 23:32

Linda Collybry, nesse encanto encantado, rezo para que chames meu nome perfumado do pólen que despejas de tuas asas de esvoaçar...Lindo, muito delicado e gentil... Sabes que sou fã de teus versos...beijos
jpcfilho a 21 de Abril de 2007 às 11:03

Passei apenas para me deliciar com os teus poemas... Maravilhoso!
Votos de um excelente fim de semana. Beijinhos
Solitária a 21 de Abril de 2007 às 20:49

Parabéns por mais este magnífico trabalho, é sempre um prazer passar aqui. Boa semana. Jofre Alves http://couramagazine.blogs.sapo.pt/
Jofre de Lima Monteiro Alves a 22 de Abril de 2007 às 19:28

Ola! cm spre mais um belo poema.. tenho de reconhecer que os teus poemas são mtos intensos.. continua.
bjs
joserios83 a 22 de Abril de 2007 às 22:50

Simplesmente lindo... Parabens... Bjs
Lilly a 23 de Abril de 2007 às 01:58

Em poesia palavra escrita que rompe em grito expressa num rabisco, a dor e saudade… O infinito… Descreve o amor ausente e presente, perpétuo e passageiro... Todo o sentir que imana no corpo e, Na Alma, da gente...




mais sobre mim
arquivos
2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


as minhas fotos
Passaram: 
online:   

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO